Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue

Hoje, 25 de novembro, é o Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue. Que tal aproveitar a data para fazer sua parte e colaborar com a campanha? Doar sangue salva vidas, mas infelizmente não está entre as prioridades da maioria. Tem gente que não doa por acreditar que não fará diferença, outros porque realmente não sabem da importância deste gesto e ainda, a mais triste das situações, há quem não doe por simplesmente achar que nunca precisará.
Durante os meses de férias as doações de sangue nos hemocentros do país caem consideravelmente, comprometendo muito os estoques. “Nessa época de férias as pessoas estão viajando então as doações caem muito. Mas a violência e os acidentes continuam. Precisamos do estoque abastecido para diminuir o risco de morte daqueles que chegam aos hospitais”, explica o médico.

QUEM PODE DOAR
Para estar apta a doar sangue, a pessoa precisa cumprir alguns pré-requisitos básicos. Além de estar em boas condições de saúde, é preciso ter idade entre 16 e 68 anos, peso mínimo de 50 quilos, estar descansado e alimentado (evitar alimentação gordurosa nas quatro horas que antecedem a doação) e deve levar ao hemocentro ou hospital escolhido um documento original com foto emitido por órgão oficial.
Algumas questões impedem temporariamente a possibilidade de doação. Nos casos de gripe, é preciso aguardar sete dias, também não é possível doar 90 dias após um parto normal e 180 dias após uma cesariana. As mães que amamentam, não devem doar se o parto ocorreu há menos de 12 meses. Também fica suspensa a doação daqueles que tiverem feito tatuagens há menos de 12 meses, além de pessoas que se expuseram a situações de maior risco de adquirir doenças sexualmente transmissíveis (como não usar preservativo com parceiros ocasionais ou desconhecidos).
DOAÇÃO NAS REDES SOCIAIS
Em busca de aumentar o número de doadores de sangue no país, o Ministério da Saúde decidiu contar com a ajuda das redes sociais. Desde a última quarta-feira (23), a página do ministério no Facebook conta com um aplicativo em que o internauta pode se cadastrar como doador de sangue.
Para participar, basta informar o nome, o tipo sanguíneo e a região onde mora. Desta forma, os hemocentros terão acesso ao banco de doadores interessados e poderão acioná-los quando for registrada falta de algum tipo de sangue em determinada região.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

DALVA VIEIRA ASSUME NOVAMENTE A PASTA DO TRABALHO, HABITAÇÃO, MEIO AMBIENTE E ASSISTÊNCIA SOCIAL DE VIÇOSA

Mensagem de pesar pelo falecimento da Sra.Teresinha Martins Silvério

PARABÉNS DANILO MAX