Missa em ação de graças

Envelhecer é o único meio de viver muito tempo. Ontem (04/09) foi celebrada uma missa em ação de graças pelos nossos idosos, em particular, aos participantes de nosso serviço de convivência, o grupo Cidade Verde. Sempre ligamos este grupo a idéia da esperança, e o que é a presença do Senhor Jesus em nossas vidas se não for a fé e a esperança? 



A idade madura é aquela na qual ainda se é jovem, porém com muito mais esforço. O que mais me atormenta em relação às tolices da juventude, não é havê-las cometido, e sim não poder voltar a cometê-las. É preciso errar para se aprender com os erros, é necessário ouvir e ver o erro do outro para poder aprender com os erros alheios. Envelhecer é aprender com dignidade sobre nossos erros e acertos, mesmo quando temos que repetir alguns erros. Mesmo quando o aprendizado é dificil. 

Envelhecer é passar da paixão para a compaixão. Muitas pessoas não chegam nos oitenta porque perdem muito tempo tentando ficar nos quarenta. Muitas pessoas se esquecem que um dia terão idade avançada, e serão tratados, talvez, da mesma forma que tratam os idosos hoje. Hoje, adoraria falar mais um pouco sobre dignidade. A dignidade dos anos que cada um vivenciou, mas não falarei sobre isso, em respeito a idade de deles porque cada um sabe e conhece as próprias dores e delícias que viveu.

O que não é belo aos vinte, forte aos trinta, rico aos quarenta, nem sábio aos cinqüenta, nunca será nem belo, nem forte, nem rico, nem sábio…E por isso os convidei a refletir sobre isso. Sobre a beleza de nossa vida, mesmo quando ela não é bonita todos os dias, sobre a força de nosso cotidiano, mesmo quando é dificil suportar a pressão que vem de todos os lados nos empurrando a cada instante para o conformismo, sobre a riqueza da simplicidade, que nos convida todos os dias a descobrir alegrias onde não achamos mais possível encontrar, e finalmente sobre a sabedoria, que nos toma a cada dia. A leitura da Palavra levava a reflexão a respeito de nossa fé. 

Quando se passa dos sessenta são poucas as coisas que nos parecem absurdas. Os jovens pensam que os velhos são bobos; os velhos sabem que os jovens o são. A maturidade do homem é voltar a encontrar a serenidade como aquela que se usufruía quando se era menino. E esta serenidade não pode e não deve ser roubada de nós. Ela nos é dada por Deus. É dele que provém a paz, a profunda paz que apenas a graça pode verter em nossos corações. 

A missa contou com a presença além dos idosos, do PETI, Projovem Adolescente, lideranças municipais, autoridades locais e comunidade. Momentos como este fazem com que a fé se renove e os vínculos se fortaleçam!

 








Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

DALVA VIEIRA ASSUME NOVAMENTE A PASTA DO TRABALHO, HABITAÇÃO, MEIO AMBIENTE E ASSISTÊNCIA SOCIAL DE VIÇOSA

Mensagem de pesar pelo falecimento da Sra.Teresinha Martins Silvério

Viçosa comemora pela segunda vez o reconhecimento do Selo UNICEF.