1º de maio, dia do trabalho




Até o ano de 1886, os trabalhadores jamais pensaram em exigir seus direitos, apenas trabalhavam. Mas no ano de 1886, aconteceu uma manifestação de trabalhadores nas ruas de Chicago, para reivindicar a redução da jornada de trabalho, e nesse mesmo dia teve uma greve geral nos Estados Unidos.
Três anos depois, foi convocado em Paris uma manifestação anual para reivindicação das horas de trabalho e foi programada para o dia 1º de maio, como homenagem as lutas sindicais em Chicago. No dia 23 de abril de 1919, o Senado francês ratificou as 8 horas de trabalho e proclamou o dia 1º de maio como feriado, e um anos depois a Rússia fez o mesmo.

No Brasil é costume os governos anunciarem o aumento anual do salário mínimo no dia 1 de maio.
No dia  1º de maio de 1943 foi criada  A CLT, através do Decreto-lei nº 5452. Quando se unificou toda legislação trabalhista do Brasil.
o salário mínimo no brasil foi criado em 1º de maio de 1940,  através do decreto-lei nº 2.162, após pesquisadores concluírem a necessidade de um salário mínimo para sustentar 02 adultos e 02 crianças.
A Constituição Federal de 1988, e em seu artigo 7º, inciso IV, transformou o salário mínimo em direito humano fundamental, também estendido aos servidores públicos,  que deve  cobrir as necessidades vitais básicas do trabalhador e às de sua família com moradia, alimentação, educação, saúde, lazer, vestuário, higiene, transporte e previdência social, com reajustes periódicos que lhe preservem o poder aquisitivo.
Que hoje todo trabalhador possa comemorar com alegria e agradecer a Deus pelo trabalho que traz dignidade para sua vida.


Mensagem da Secretária de Assistência Social de Viçosa,
 Professora Dalva vieira.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

DALVA VIEIRA ASSUME NOVAMENTE A PASTA DO TRABALHO, HABITAÇÃO, MEIO AMBIENTE E ASSISTÊNCIA SOCIAL DE VIÇOSA

Mensagem de pesar pelo falecimento da Sra.Teresinha Martins Silvério

Viçosa comemora pela segunda vez o reconhecimento do Selo UNICEF.